Vamos nos conhecer melhor??

Queridos leitores, que tal nos conhecermos um pouco melhor?? Fiz esse questionário pra saber do que vocês gostam de ver e ler. Já que o blog é feitos para você e estamos em fase de crescimento, esse tipo de contado vai nos ajudar a criar cada vez mais um blog com temas e coisas que vocês gostam.

Lembrando que as informações preenchidas no formulário serão usadas, única e exclusivamente, para ajudar a criar postagens para o blog.

Vestidinhos, tão bonitinhos!

O inverno está indo (se é que ele chegou por aqui né), a primavera está chegando e está na hora de tirar os vestidos do armário e ficar a tento as novas tendências, e as não tão novas como o básico e as rendas por exemplo.

Mullets: a bola da vez, esses vestidos tem o comprimento menor na frente e maior atrás. Os modelos mais curtos na frente favorecem as mais baixas. Para alongar a silhueta use com sandálhas de salto, cai bem com rasteirinhas e sapatos.

Cinto: um ótimo acessório, valoriza a silhueta e dá um ar diferente aquele vestidinho básico. Pra quem tem pouca cintura e seios pequenos o ideal é usar cintos finos, já o cinto largo é indicado pra quem tem quadril largo e seios grandes. Nesse caso, pra não ter erro, use o cinto largo sempre na altura dos quadris.

Renda: Peça democrática, romântica e pode ser usada tanto de dia, numa ocasião mais informal quanto de noite, numa festa. Vai bem com sandálhas e sapatinhos mais delicados.

Blazer: é a pedida certa para os dias mais frios, casaquinhos e jaquetas também são bem vindos.

Básico: sempre! Coloridos, pretos, nudes, floridos, de manga ou alcinha.

Envie uma carta para você. No futuro!

Já pensou em escrever uma carta pra você mesmo e lê-la no futuro? Se não, comece a pensar! E o aplicativo Relembre.me vem para ajudar. O Relembre é um site onde você escreve uma carta para o “seu eu do futuro” e essa carta é enviada para o seu e-mail na data que você desejar. Vale contar tudo: objetivos, situações engraçadas, metas, pessoas que marcaram sua vida hoje, até por que, relembrar é viver!

Livro: Cilada

“Ninguém consegue escapar das próprias mentiras”, principalmente quando alguém está disposto a encontrar a verdade. É em cima disso que o livro Cilada se desenvolve. Escrito por Harlan Coben, Cilada conta a história do assistente social Dan Mercer. Dan foi estudante de Princeton e trabalhava em um centro dando assistência a adolescentes. Certo dia ele recebeu um telefonema de uma das adolescentes do centro e vai ao seu encontro. Chegando lá Dan é surpreendido por Wendy Tynes e sua equipe de reportagem, que o acusava de ser pedófilo. Inocentado por falta de provas, Dan foi morto logo em seguida.

O livro também conta a história de Haley McWaid, uma adolescente de 17 anos, aluna e filha exemplar, sonha em entrar em uma boa universidade, de repente some de uma forma misteriosa.

Aparentemente as duas histórias parecem não ter nenhuma relação, mas no decorrer das investigações e pesquisas feitas por Wendy Tynes, as duas se juntam. Wendy foi a única testemunha do assassinato de Dan, e seguindo seus instintos, ela teme ter acusado um homem inocente. Quanto mais ela procura mais mistérios vão aparecendo, todos têm algo a esconder, todos os segredos se juntam no final.

No decorrer das investigações verdades inimagináveis são reveladas, pessoas normais são postas a prova. Harlan Coben criou uma trama repleta de reviravolta. Acredite, nada é o que parece, tudo pode mudar e na ultima página tudo pode ser desfeito.

Terminei o livro faz um dia, li ele em sete. É do tipo de história que te prende, que faz você criar um desfecho óbivio mas que, no final, te surpreende.

Decorando o quarto com fotos

Sabe aquelas fotos que estão no seu computador e que você ama ver?? Então, está na hora de imprimi-las para decorar seu quarto. É uma forma simples e diferente de dar um destaque aquela decoração mais ou menos. Um painel de fotos ou um varal ou até coladas na própria parede.

Varal com fotos, um mapa ou luzinhas (aquelas de por em árvores de Natal) dá um destaque bacana.

Colagem direto na parede, fazendo como a de coração, ou olagem que vão do teto até o chão. E luzinhas, sempre :)

E é claro, quadrinhos! De todos tamanhos, formas e corer.

Inspiração: Coques

Nada mais pratico que fazer um coque, é só puxar todo cabelo pra cima por um grampo ou um lacinho e pronto, tudo pronto.  Mas por que não inovar?? Coque com trança, baixo, de lado, donuts e por ai vai.

Passo a passo do tipo de coque que mais amo.

O que é Medium?

Não faltam plataformas para você publicar suas ideias, fotos, vídeos, o que quer que seja online, mas a partir de hoje passamos a contar com uma de alto nível. O Medium foi anunciado com um imponente manifesto sobre publicações e mídia. Mas, ahn… o que o torna diferente e por que qualquer um deveria usá-lo?

O Medium é uma nova plataforma de publicação dos criadores do Blogger e do Twitter…

Os fundadores do Twitter, Evan Williams e Biz Stone, estão de volta com outro serviço que você pode usar para espalhar qualquer coisa sua na Internet. Desta vez o foco está em um design clean e simples que enfatiza a qualidade do trabalho que foi feito e torna fácil a qualquer um usá-la muito ou pouco, como quiser.

…que junta “mídia de qualidade”…

tratado introdutório de Ev Stone apresenta o Medium como um lar para mídia. Enquanto imagens, vídeos e similares são secundários em blogs e no Twitter, o Medium promete se capaz de tratar tudo isso com igualdade. A chave, porém, é que a ênfase está na qualidade do conteúdo, em vez de na pessoa que o criou.

…em “coleções” de conteúdo por uma pessoa ou mais…

Quando você publica alguma coisa no Medium, você arquiva isso em uma “coleção”, um grupo de vídeos, palavras, figuras etc. conectado tematicamente.

Por exemplo, Williams criou uma coleção de fotos nostálgicas. Outra, coletga belas fotografias de viagens. Em todas elas, o conteúdo fica grandão na tela e o nome do autor, minúsculo. Você vê o tema se desenvolvendo aqui?

…e o conteúdo pode ser promovido dentro de uma coleção com um clique…

No rodapé de cada post no Medium existe o equivalente a um botão Curtir/Joinha/Digg/+1 que permite aos usuários indicarem aprovação ao que acabaram de ver. Isso catapulta um post dentro de uma coleção particular, mas não está claro se haverá algum tipo de ranking global ou como, afinal, você encontrará conteúdo e coleções que sejam de seu interesse.

…o que soa terrivelmente familiar…

Não há nada realmente novo no Medium, mas Williams admite que eles ainda não chegaram a uma conclusão definitiva sobre como ele funcionará. No momento, parece uma mistura de Pinterest, Tumblr e Reddit. Dê uma olhada nas coleções que servem de vitrine para o serviço e pergunte a si mesmo se elas são substancialmente diferentes do que você já viu por aí.

Elas se parecem com Subeddits com um visual do Pinterest ou Tumblrs organizados por grupos de usuários em vez de individualmente.

…mas que pode acabar sendo algo diferente…

Ainda assim, o Medium insiste que é diferente — que a experiência é tão boa tanto para quem quer publicar quanto para os que não querem e que o ato de ajudar a subir conteúdo bom é divertido independentemente de a sua coleção ser popular ou não. No mínimo, a coisa não é feia e monstruosa. É bonita, o que é um bom sinal porque se o Medium fizer sucesso, poderá ser pela sua força na usabilidade.

…quando pudermos usá-lo de fato.

Ah, e embora qualquer um com uma conta no Twitter possa se cadastrar para ver e promover conteúdo no Medium, a publicação ainda não está aberta ao público. Novos usuários estão sendo convidados lentamente, mas está bem claro que o produto ainda tem um longo caminho a percorrer até estar finalizado.

%d blogueiros gostam disto: